Enel retoma processo de venda da sua operação em Goiás

Enel retoma processo de venda da sua operação em Goiás

1 de julho de 2022

A multinacional Enel contratou o Itaú BBA para coordenador o processo de venda da sua distribuidora de energia elétrica em Goiás. A expectativa, segundo informação do Valor, é que as companhias interessadas na aquisição apresentem suas propostas na próxima semana. A Enel quer cerca de R$ 10 bilhões pela antiga Celg D, numa operação que envolve equity e dívida.

Segundo fontes ouvidas pelo Valor, as empresas Equatorial, Energisa, CPFL, EDP (que comprou a Celg GT) e Neoenergia estariam entre as interessadas na rede de distribuição de energia elétrica em Goiás. O negócio deverá ser em lance único, uma vez que a Enel optou por não fazer processo faseado entre não vinculante e vinculante.

As companhias interessadas no negócio estão buscando bancos nas últimas semanas para garantir financiamento, uma vez que a operação também envolve o endividamento da Enel Goiás. A expectativa é que a venda seja concretizada no final de julho ou início de agosto.

Em abril deste ano, foi noticiado que a multinacional estaria interessada em vender sua operação em Goiás, onde atende 3,27 milhões de clientes. A Enel pagou R$ 2,1 bilhões para adquirir a Celg-D dos antigos controladores, a Eletrobras e o Estado de Goiás, em um leilão de privatização em 2016.

O governador Ronaldo Caiado voltou a criticar recentemente a Enel pela qualidade do serviço em Goiás. A companhia, embora afirme que tem investido muito no Estado, continua entre as piores distribuidoras brasileiras de energia em qualidade de serviço, segundo ranking publicado pela Aneel.

A Enel possui no Brasil quatro empresas de distribuição de energia: além de Goiás, em São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará, atendendo 18 milhões de clientes.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.