Hering retoma vendas e produção em Goiás

Hering retoma vendas e produção em Goiás

10 de agosto de 2021

A Cia. Hering enfrentou grandes dificuldades desde o início da pandemia da Covid-19 no Brasil, em março do ano passado. Praticamente, viu todas as suas lojas (próprias e franquedas) serem obrigadas a fechar por conta das medidas de isolamento social. A empresa teve 100% de suas 764 lojas fechadas. As seis fábricas da empresa (sendo três em Goiás) e seu principal centro de distribuição, também em Goiás, fecharam as portas.

Entretanto, a empresa catarinense começou a superar a crise a partir de maio e, com a força do e-commerce, as suas vendas começam a crescer significativamente. “Depois de um início difícil, saímos fortes e com uma perspectiva ótima”, afirma o presidente Thiago Hering.

A estratégia para reverter esse cenário já tinha o e-commerce como foco, mas o rápido crescimento da participação de vendas dos canais digitais em um curto espaço de tempo surpreendeu. Antes mesmo de imaginar a chegada de uma pandemia, a companhia realizou, no quarto trimestre de 2019, a integração de 91% das lojas – próprias e franqueadas – em omnichannel. A iniciativa foi crucial nos resultados.

Reação nas vendas

No segundo trimestre deste ano, a empresa registrou aumento de 185% na receita bruta ante o mesmo período de 2020, para R$ 405,6 milhões. Entretanto, ainda é menor na comparação com mesmo período de 2019, quando não havia pandemia. Em abril, quando houve um novo pico de contaminações pela covid-19, as vendas chegaram a recuar 23,2% ante mesmo mês de 2019. Em maio, já houve um avanço de 3% e junho e julho saltaram 11,7% e 12,4% versus os mesmos meses de 2019, respectivamente.

No showroom de vendas para as coleções de verão e alto verão, a Cia. Hering diz que já conseguiu 945 novos clientes, com aumento de 50% no pedido médio ante 2019. As vendas projetadas já estão 11% maiores. O aumento de 19% do tíquete médio e o avanço de 16% nas vendas por atendimento conseguiram mitigar o impacto da queda de fluxo de clientes nas lojas durante as restrições de atividades.

A HERING foi fundada em 1880, em Blumenau (SC). É dona das marcas Hering, Hering Kids e Dzarm. A produção está distribuída em três polos industriais, em Santa Catarina, Goiás e Rio Grande do Norte. Desde os anos de 1990, opera uma rede de varejo que alcançou 700 lojas, sendo 10% unidades próprias e o restante franqueadas. Também distribui os seus produtos em mais de 8 mil lojas multimarcas por todo o Brasil, no Uruguai, Paraguai e Bolívia.

A Cia. Hering reiterou sua perspectiva de abertura de lojas para o ano e deve terminar 2021 com 110 novas lojas em formato compacto e 25 conversões para megalojas.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.