BC aposta na oferta de crédito para a retomada econômica

BC aposta na oferta de crédito para a retomada econômica

26 de novembro de 2020

Roberto Campos Neto destaca o aumento do crédito para pessoa jurídica e queda nas taxas de juros

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, disse que, apesar dos desafios, em um cenário de juros baixos e ambiente de alta liquidez, o brasileiro poderá se reinventar frente à pandemia da Covid-19 com recursos privados. Ressaltou também que a retomada da atividade econômica se dará em um contexto de incerteza devido ao ressurgimento da pandemia em algumas das principais economias. Na economia doméstica, para o enfrentamento da crise, lembrou a união das ações do Banco Central e do Ministério da Economia, destacando a criação de programas de crédito.


Nesse cenário, Campos Neto destacou a consideração do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central sobre a adequação do atual nível de estímulo monetário que vem sendo produzido pela manutenção da taxa básica de juros em 2% ao ano e o ancoramento das expectativas de inflação de longo prazo. “No mercado de crédito, pode-se considerar um incremento em meio à crise com um aumento maior no crédito para pessoa jurídica frente a queda nas taxas de juros”, disse ao participar, por meio de plataforma remota, do 4º Painel Cooperativismo Financeiro realizado pelo Sicoob Engecred.


Roberto Campos Neto também falou sobre os projetos do BC em diferentes segmentos de atuação, destacando a inclusão, competitividade, transparência e educação. Quando o assunto é inclusão, o BC vem trabalhando ações e entregas de apoio ao cooperativismo visando uma organização sistêmica e efetividade de governança, como assembleias virtuais, modernização do conceito de área de admissão, política para área de atuação, além do fomento de atividades e negócio. Entre as inovações realizadas pelo BC, que também alcançam as cooperativas financeiras, Campos Neto destacou o open banking e o PIX, sistema de pagamentos instantâneos.


Participações
O 4º Painel Cooperativismo Financeiro contou com a participação do diretor-presidente do Centro Cooperativo Sicoob (CCS), Marco Aurélio Almada, e do presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, especialmente convidados para debaterem o tema central ‘Incluir, cooperar e inovar – alternativas para o crescimento em um ambiente de inovação e sustentabilidade na retomada econômica’.


José Carlos Martins destacou a similaridade entre o perfil das empresas e produtos da indústria da construção quando comparado ao perfil do agronegócio e que aponta para boas expectativas com as soluções oferecidas pelo cooperativismo. “O agro se desenvolveu muito fortemente em cima do modelo cooperativo e pensamos que a indústria da construção também pode trabalhar assim. Nosso modelo de crédito é mais detalhado, mais complexo; é preciso ter proximidade com o cliente. Ninguém melhor que o sistema cooperativo para ter esse entendimento”, afirmou.


Marco Aurélio Almada afirmou que as cooperativas do Sicoob estão prontas para apoiar o crescimento sustentável do País e a se reinventar para atender as necessidades do empreendedorismo. Segundo ele, o cooperativismo sempre se posicionou de forma desafiadora dentro do sistema financeiro nacional e tem sido capaz de estimular, por meio do seu crescimento, uma melhor precificação de produtos e serviços financeiros. Com o surgimento de outros modelos de negócios, o cooperativismo busca se reinventar diante das novas tecnologias.


O diretor-presidente do Sicoob Engecred, Fabrício Modesto Cesar, as informações trazidas por Campos Neto demonstram a visão, portanto, do Banco Central, e ressaltam projetos importantes para o mercado como o desenvolvimento da moeda digital. “Como balanço geral, ficamos muito satisfeitos com a visão de futuro apresentada, especialmente no que diz respeito ao uso de novas tecnologias, que proporcionam serviços como o PIX”, concluiu Fabrício.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.