Área em Santo Antônio Descoberto é maior que a atual do Daia, em Anápolis

A criação de um novo distrito industrial em Santo Antônio do Descoberto (GO), na região do Entorno do Distrito Federal foi aprovada pela população do município em audiência pública realizada nesta semana. A área, de 8,9 milhões de metros quadrados (m²), será ainda desapropriada pela prefeitura e repassada para a Codego, estatal do governo goiano que administra condomínios empresariais no Estado e também responsável pelas obras de infraestrutura. O distrito tem potencial para ser o maior de Goiás, superando inclusive o Daia, em Anápolis.

“As etapas não podem ser atropeladas. Temos recebido muitas solicitações dos prefeitos e o governador Ronaldo Caiado pediu prioridade para Santo Antônio do Descoberto, onde ele enxergou de forma muito sensível a carência da população, a desigualdade social e a falta de oportunidade. Nós estamos empenhados em transformar essa realidade”, afirmou Marcos Cabral, presidente da Codego. Apenas 7% da população de Santo Antônio do Descoberto tem carteira assinada, um dos menores índices de Goiás, e a maioria ainda trabalha no Distrito Federal.

O governo estadual promete para o futuro Condomínio de Desenvolvimento Econômico (CDE) de Santo Antônio do Descoberto toda a infraestrutura necessária para sediar instalação de empresas, com Estação de Tratamento de Água (ETA) e Esgoto (ETE), iluminação e pavimento asfáltico adequado. Deverá ser implantado às margens das rodovias GO-425 e BR-060, a cerca de 50 quilômetros do Aeroporto Internacional de Brasília e do Terminal Ferroviário da capital federal. Na primeira fase de implantação, a estimativa do governo é que o novo distrito, quando estiver pronto, poderá receber 53 empresas em lotes de até 82 mil metros quadrados.

Daia
O Governo de Goiás lança neste sábado (08/02) um pacote de obras no Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia), em Anápolis. A principal dela é a conclusão do anel viário, que estava paralisada há cerca de um ano e meio. Uma frente de serviços também foi empregada para revitalizar o Sistema de Abastecimento de Água do Daia, aumentando o volume na captação de água. E, após a operação tapa-buraco, o governo promete iniciar o recapeamento asfáltico do distrito industrial.


Deixe seu comentário