Maurício de Sousa e Mauro Sousa posam em frente a entrada da Estação Turma da Mônica, no Shopping Cerrado

A primeira unidade da Fazenda do Chico Bento, estação temática que promoverá a interação do meio rural dentro do universo do personagem da história em quadrinhos, será instalada no Silvestre Park Resort, em Rio Verde, na Região Sudoeste de Goiás, até o fim do ano. A informação foi repassada com exclusividade ao EMPREENDER EM GOIÁS por Mauro Sousa, diretor da Maurício de Sousa ao Vivo, divisão do Grupo Maurício de Sousa Produções, durante a inauguração da Estação Turma da Mônica, ocorrida nesta quara-feira (4)  no Shopping Cerrado, em Goiânia, a primeira do Brasil.

Segundo Mauro Sousa, o espaço que será apropriado para o lazer familiar e possuirá um atrativo lúdico, proporcionando aprendizagem sobre temas da natureza e da vida no campo. “Será a primeira unidade com este formato no Brasil, com a assinatura de Maurício de Sousa. Escolhemos Rio Verde por ser uma cidade com atividade agropecuária intensa, que se destaca como uma das principais no Brasil neste setor”, afirmou. O empreendimento está em fase finalde formatação com a parceria com o Silvestre Park Resort, que atua no segmento de hospedagem e lazer.

Novidade

Inauguração nesta quarta-feira (4), a primeira Estação Turma da Mônica no Brasil está instalada no primeiro piso do Shopping Cerrado, com estrutura de lazer temática, salão de festas e uma loja.  Está equipada  com 13 atrações,  todas  tematizadas. Destaque para o Terminal do Limoeiro, composto por um trem e dois vagões, que transita em um circuito de trilho circular e túnel  iluminado. Terá ainda a Vila da Mônica, Pé de Diversão, Casa na Árvore, entre outros. O  ingresso inteira custará R$ 59,00 e a meia-entrada, R$ 29,50. Há também a possibilidade de  aquisição de pacotes para grupos de duas a cinco pessoas.

Terá restrições de uso,  como idade, altura, calçados e condições físicas, além de restrição de entrada com sapatos de salto, chinelos, curativos e imobilizações médicas. Funciona nas terças e quintas-feiras das 10  às 19 horas, e de sexta-feira a domingo, das 11 às 19 horas. Disponibilizará de banheiros próprios e espaço  multiuso para a realização de eventos, chamado Praça Maurício de Sousa.

Durante a inauguração da Estação Turma da Mônica, no Shopping Cerrado, Mauro Sousa anunciou que o grupo pretende implantar, em até quatro anos, 30 unidades da Estação no Brasil e no  exterior. O investimento, por unidade, é de aproximadamente R$ 5 milhões. “É mais um produto do Grupo Maurício de Sousa, que tem forte participação nos segmentos de fraldas, brinquedos,  parques e, principalmente, na edição de gibis com seus vários personagens”, afirmou,  lembrando que a participação no mercado de histórias em quadrinhos beira os 85%.

O criador dos personagens da Turma da Mônica, Maurício de Sousa, explicou que a escolha de Goiânia para sediar a primeira Estação da Turma da Mônica deu-se depois de negociação criteriosa. “Goiânia é uma cidade vibrante, a segunda mais populosa da Região Centro-Oeste. Tem potencial econômico forte e empresários preocupados com a qualidade dos produtos que oferecem, o que é bastante coerente com o nossos ideais”, disse ele.

A ideia de ingressar no mundo das estações temáticas, de acordo com Maurício de Sousa, surgiu da necessidade de ampliar os investimentos, consolidar cada vez a marca e seus personagens e de buscar novas experiências de negócios. “A Estação Turma da Mônica é ainda uma forma positiva de aproximar o público leitor dos personagens. A criança sai do sonho bidimensional, proporcionado pela história em quadrinhos, pelo gibi, para o tridimensional, com os brinquedos. Ela vive o personagem”, explicou.

Álvaro Mendes Pereira, da ETM Brasil, informou que a empresa escolheu Goiânia para instalar a 1ª Estação Turma da Mônica pelo seu potencial econômico. A ETM atua em 30 cidades e a escolha da temática deu-se a partir da possibilidade de associar a história da empresa, que possui 30 parques indoor no País, a um ícone da história em quadrinhos brasileira.

De acordo com o superintendente do  Shopping Cerrado, Humberto Moreira, o projeto é inovador e se transformou em um marco  importante para o empreendimento. “Em dois anos de existência, trouxemos marcas importantes e inéditas, tudo com muita qualidade”, afirmou.

Gibi

Ao Empreender em Goiás, Maurício de Sousa e Mauro Sousa analisaram o mercado editorial das histórias em quadrinhos. Segundo eles, ainda há muito espaço para crescimento do segmento, mesmo com o avanço da tecnologia e internet. “Estamos atentos às inovações e marcamos presença também em plataformas digitais. Para se ter uma ideia, nosso canal no Youtube tem mais de 40 milhões de visualizações”, afirmou Mauro Sousa.

Maurício de Sousa entende que o gibi não está em decadência, mesmo com o fim das publicações da Disney pela Editora Abril. “O quadrinho é universal, continuamos vendendo com a mesma intensidade. Estamos vendendo nossos produtos na Bélgica, Suíça, França, Japão e México. No ano que vem, vamos entrar também nos Estados Unidos e no Canadá”, anunciou.


Deixe seu comentário