O Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito (WOCCU) celebra anualmente, na terceira quinta-feira de outubro, o Dia Internacional das Cooperativas de Crédito (DICC). Em 2017, as comemorações acontecem no dia 19 de outubro e o tema não poderia ser mais propício: “Os sonhos prosperam aqui”. Ele mostra que a cooperativa financeira funciona como catalisadora
para tornar reais diferentes profissões, escolhas pessoais e trajetórias de carreira.

A cada ano, o DICC ajuda a encorajar os cooperados a compartilharem suas experiências e celebrarem como as instituições financeiras cooperativas influenciaram suas escolhas de vida. Ao colocar as pessoas antes do lucro, as cooperativas financeiras são posicionadas como um modelo mundial. E, para os próximos anos, a meta é ainda maior. Pela conscientização por meio do alcance, o objetivo é adicionar 50 milhões de novos membros até 2020. Em todo o mundo, existem 68,8 mil cooperativas de crédito em 109 países, que atendem 235 milhões de pessoas.

No Brasil, as perspectivas de crescimento do cooperativismo financeiro são positivas. Segundo o Sistema OCB, cada instituição tem sua própria missão e estratégias condizentes com sua natureza. Mas será o trabalho em conjunto, complementar, sinérgico e integrado das instituições que vai superar os desafios e alcançar plenamente a visão de futuro desejada.

A melhoria da gestão e da governança, que aumentam a eficiência e a capacidade de inovação e adaptação das cooperativas, e a melhoria da qualidade da mão de obra, que aumenta a produtividade das cooperativas, possuem evidentes efeitos na competitividade do cooperativismo. Quando se melhora a segurança jurídica e regulatória, aumenta-se a capacidade de previsão das cooperativas, diminui-se o risco e, consequentemente, os custos de operação, tornando-as também mais competitivas.

Hoje, o sistema cooperativo de crédito nacional tem aproximadamente 4% de todos ativos financeiros do país. Esse percentual ainda é pequeno se comparado a países como a França, onde temos a maior expressão do cooperativismo financeiro do mundo. Lá, 60% dos recursos são movimentados pelas instituições financeiras cooperativas. Na Alemanha, o cooperativismo financeiro administra aproximadamente 25% dos ativos.

No entanto, acima da pujança e dos benefícios, as cooperativas financeiras oferecem um atendimento diferenciado e customizado, além de tecnologia de ponta, que levam ao cooperado uma excelente experiência em todo tipo de operação. E mais: a cultura cooperativista dissemina a educação e formação de seus membros, a ajuda mútua, a igualdade, a gestão democrática e a solidariedade. Valores que ajudam a tornar os associados e suas famílias mais felizes e a construírem um mundo melhor.

Faça parte!


Deixe seu comentário