Goiânia é a 36ª no ranking de cidades inteligentes

Goiânia é a 36ª no ranking de cidades inteligentes

1 de dezembro de 2021

Centro de Inteligência de Aparecida de Goiânia: a cidade é uma das três melhores colocadas de Goiás no ranking

Goiânia (36º lugar), Anápolis (54º) e Aparecida de Goiânia (84º) foram as três cidades goianas que se destacaram na edição de 2021 do Ranking de Serviços de Cidades Inteligentes. Elaborado pela consultoria Teleco, a divulgação é da Conexis Brasil Digital e da Associação Brasileira de Infraestrutura para Telecomunicações (Abrintel),

Liderado por Uberlândia (MG) e Campos Grande (MS), o Ranking de Serviços de Cidades Inteligentes avalia, entre os 100 maiores municípios brasileiros em população, aqueles que estão ofertando serviços considerados inteligentes ao cidadão, utilizando os meios digitais, como internet e celular. Permite que os municípios verifiquem a sua posição em relação aos demais e identifiquem os pontos que requerem aprimoramentos, de modo a tornar suas cidades mais inteligentes.

Os principais indicadores de serviços inteligentes são semáforos, câmeras de vigilância, bases de informação (segurança), monitoramento de bueiros, prontuário médico, iluminação pública e limpeza pública. São considerados serviços utilizados diretamente pelo cidadão nas áreas de mobilidade urbana, e-gov, saúde, educação e meio ambiente. Para cada um desses serviços, o estudo considera o grau de automação, inteligências, utilidade e facilidades incorporados

Serviços

A pesquisa mostra que todas as cidades do ranking possuem ao menos dois serviços de cidades inteligentes, principalmente referentes aos horários do transporte público e à emissão de boletos de tributos ou outros meios de pagamento. Os menores avanços foram em relação ao aluguel de bicicletas e às informações de turismo e cultura, entre outros.

Das cidades analisadas, mais de 80% delas possuem serviços de mobilidade urbana ligados aos transportes públicos. Um aumento de aproximadamente 10 pontos percentuais na comparação com 2020. O sistema de aluguel de bicicletas está na casa dos 20%, um pouco abaixo na comparação com o ano passado. O acesso remoto a tarefas e conteúdos educacionais estão presentes em cerca de 40% das cidades, um aumento expressivo se comparado com 2020 e 2019, quando a taxa estava um pouco acima dos 15%.

Atualmente, 80% dos municípios analisados contam com câmeras de vigilância, um aumento de 30 ponto percentual na comparação com o ano anterior. Já os semáforos inteligentes estão em quase 40% das cidades. Em 2020, cerca de 20% dos municípios possuíam o serviço.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.