Sobra dinheiro no FCO Empresarial, diz gerente do BB

Sobra dinheiro no FCO Empresarial, diz gerente do BB

15 de setembro de 2021

“Está sobrando dinheiro no FCO Empresarial e a não obrigatoriedade de projeto para empréstimos até R$ 500 mil facilita ainda mais o acesso do pequeno empresário ao fundo”. O alerta foi dado pelo gerente de Negócios de Mercado do Banco do Brasil Centro-Oeste, Adonias Antônio Miranda, ao participar da live Caravana FCO Empresarial: Acesso ao Crédito, promovida pelo Conselho Temático da Micro, Pequena e Média Empresa (Compem-GO) da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg).

“Não tem como competir com o FCO. A linha possui encargos financeiros diferenciados, bônus de adimplência de 15% sobre o componente prefixado dos encargos financeiros, isenção de tarifa de abertura de crédito (TAC) e IOF e prazo ajustados à capacidade de pagamento”, frisou. De acordo com o gerente, os benefícios do FCO Empresarial incluem prazo de 20 anos para pagamento, carência de até cinco anos para quitação das parcelas de capital, financiamento de até 100% dos bens e não obrigatoriedade de carta-consulta para financiamentos com valor inferior a R$ 500 mil.

Adonias destacou ainda a possibilidade de empresas financiarem pelo FCO projetos de investimento em energia fotovoltaica, sobretudo diante do atual cenário de escassez hídrica e crise energética. Detalhou ainda outras linhas de financiamento de capital de giro e investimentos. Destinado a empresas com faturamento de até R$ 4,8 milhões e constituídas há pelo menos um ano, o Pronampe oferece 11 meses de carência, empréstimos com encargos fixados em Selic + 6% a.a. e garantia do Fundo Garantidor de Operações (FGO).

Para o presidente do Compem-GO, Jaime Canedo, é fundamental que os empreendedores conheçam as linhas de crédito disponíveis no mercado e se atualizem quanto às políticas públicas para o fomento da economia, sobretudo nesse momento de retomada dos negócios e da atividade produtiva. “Os pequenos negócios são a força da economia brasileira, gerando milhões de empregos e assegurando o sustento de milhões de famílias. Só na indústria, representam quase 25% do PIB do setor. É fundamental que os empresários conheçam as linhas de crédito que garantem maior competitividade ao seu negócio”, sustentou.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.