Prefeitura autoriza a reabertura do comércio em Goiânia

Prefeitura autoriza a reabertura do comércio em Goiânia

18 de junho de 2020

Decreto do prefeito Iris Rezende (PMDB) será publicado nesta sexta-feira (19/06), no Diário Oficial do Município, com a autorização para maior reabertura do comércio varejista e atacadista em Goiânia, a partir de segunda-feira, inclusive lojas de shoppings centers e em polos comerciais, como na da Região da 44, seguindo todos os protocolos de segurança e de distanciamento entre os colaboradores. O documento, segundo a Prefeitura, seguirá os indicadores epidemiológicos e a capacidade de atendimento médico do município.

Representantes do Comitê de Crise apresentaram hoje (18/06) o passo a passo do processo de transição. Todos os locais com liberação para funcionar terão que disponibilizar álcool em gel 70% para higienização das mãos e pontos para a lavagem das mãos. O uso de máscara também será obrigatório para todas as pessoas que saírem de casa, sob pena de multa estipulada no valor de R$ 627. Celebrações religiosas poderão ser realizadas duas vezes por semana. Além dos inúmeros protocolos de segurança, todos os estabelecimentos terão de seguir o escalonamento de horários, obrigatório desde o dia 20 de maio.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Walisson Moreira, informou que o comércio na região da Rua 44 deve voltar a partir do dia 30 com barreiras sanitárias. “A retomada das atividades ocorrerá de forma segura e gradual e dependerá da capacidade hospitalar do município e da evolução da epidemia. A reabertura dos segmentos da próxima semana, por exemplo, conta com mais de 40 protocolos que deverão ser seguidos pelos empresários”, disse.

Em seguida, o gestor explicou que a reabertura de academias e de outros atividades continuam sob avaliação. “É importante lembrar que academias, bares e restaurantes ainda não podem abrir para atendimento presencial”, acrescentou Moreira. O secretário lembrou que a retomada dos serviços começou no início do mês com a liberação do funcionamento de imobiliárias, mercados municipais e centros de treinamentos de times profissionais.

Walisson Moreira pontuou ainda que a fiscalização será intensificada, principalmente com relação ao uso de equipamentos de proteção individual (EPIs). A secretária de Planejamento Urbano e Habitação (Seplanh), Zilma Percussor, disse que as decisões consideraram a recuperação econômica do município e as questões sociais. Enfatizou que uma das condicionantes para a retomada de alguns setores é a implementação de novos leitos de enfermaria e de UTIs pela Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia. ”O município, inclusive, adquiriu insumos e novos equipamentos, como ventiladores. Os novos aparelhos vão reforçar em mais 10 leitos de UTI “, disse.

O portal Empreender em Goiás é uma iniciativa privada com a missão de incentivar a abertura e o crescimento de empresas. Contamos com os melhores parceiros para gerarmos notícias, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

One thought on “Prefeitura autoriza a reabertura do comércio em Goiânia”

  1. Avatar João Barbosa Barbosa disse:

    Precaução sim, terrorismo não, então vamos cuidar para o bem de todos obgdo