Adriano da Rocha Lima anunciou a criação de ambiente propício para a inovação tecnológica, diversificando a matriz do desenvolvimento econômico do Estado

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação (SED) terá foco na inovação. O anúncio foi feito pelo novo titular da Pasta, Adriano da Rocha Lima.

Da Secretaria múltipla de hoje, que abriga três importantes áreas do desenvolvimento do Estado, a partir da reforma administrativa do novo Governo serão projetadas três pastas: de Indústria e Comércio, que terá o atual senador Wilder Morais (DEM) como titular; da Agricultura, cujo gestor será o atual superintendente da área, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, e de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, sob o comando de Rocha Lima.

Na proposta para a área, Adriano anunciou a criação de ambiente propício para a inovação tecnológica, definido como ponto forte da pasta, que, segundo ele proporcionará “a diversificação da matriz do desenvolvimento econômico do Estado a partir da criação de novos elementos, que atrairão investimentos, com disposição para tornarem o Estado atrativo aos aportes e empresas da área tecnológica”, diz.

O secretário vai buscar união de forças com o setor privado e setores acadêmicos das universidades no sentido de formar a tríplice aliança de desenvolvimento e avaliação nas várias frentes voltadas para a sociedade. Rocha Lima, baseado em sua formação profissional e técnica, defende a criação de políticas públicas e de um sistema propício em conjunto com todas as forças governamentais que alimentem o novo projeto de inovação tecnológica.

De acordo com o novo desenho em elaboração para a pasta de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Goiás, importantes áreas serão geridas pela nova secretaria. “Importantes e diversificados instrumentos de incentivo econômico e de empreendedorismo, comercial e industrial- educacional e tecnológico dentro do um projeto de Governo para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico”, explicou.


Deixe seu comentário