Maria Helena Pena no pitch de apresentação o projeto da Leite Puro, que ficou com o primeiro lugar no Desafio Indústria 2018

Um aplicativo que gera e compartilha informações sobre a qualidade do leite antes que este chegue à indústria (Leite Puro), outro que acompanha os preços da cerveja nos pontos de venda para agilizar as estratégias de venda das cervejarias (App da Breja), além de um que monitora e melhora a manutenção de frotas de veículos para minimizar os custos das empresas (Eficiência) foram os vencedores da 1ª edição do Desafio Indústria 2018 (HackInnovation), realizada nos dias 24, 25 e 26 de novembro, em Goiânia.

Empreendedores e statupeiros goianos se reuniram para, em 36 horas de imersão, criar e desenvolver soluções para os problemas enfrentados pela indústria. Os desafios foram lançados e as melhores ideias foram premiadas, após avaliadas por uma banca formada por especialistas. As equipes ganharam inscrições para a Campus Party Brasil, que será realizada de 12 a 17 de fevereiro, em São Paulo, e receberão pré-aceleração de suas startups e consultoria para validação do modelo de negócio, além de períodos de coworking.

“É uma loucura! Foi a primeira vez que participei de um HackInnovation (maratona de programação e inovação), mas a gente chegou com a mentalidade de ganhar desde o início. Trabalhamos muito duro e creio em um futuro promissor, pois estamos decididos a encubar e dar sequência para que a gente se torne uma empresa que crie soluções”, vislumbra a analista de processos Maria Helena Câmara Pena, integrante da equipe Leite Puro, que ficou em 1º lugar entre as ideias mais bem avaliadas do evento.

O segundo lugar ficou com Wagner Barros Neto (E) e João Paulo Pereira, da equipe do App de Breja, que pesquisa e compartilha preços de cervejas

Cerveja

A segunda melhor ideia avaliada no evento foi o App da Breja, que pretende ajudar as cervejarias a acompanhar os preços de seus produtos no comércio, premiando os consumidores que utilizarem o aplicativo para enviarem a leitura de seus cupons fiscais. “O Desafio Indústria 2018 nos ajudou a fazer conexões e a formatar melhor o negócio. Com o feedback que a gente teve, com certeza, ainda sairá muita coisa boa”, previu o engenheiro de produção Wagner Barros Neto, integrante da equipe App da Breja.

O cientista de dados Wanderson da Silva Marques se inscreveu no Desafio Indústria 2018 em busca de experiência e saiu com o terceiro melhor projeto avaliado. Com o nome Eficiência, o serviço oferecido pela equipe é o monitoramento, em tempo real, dos veículos de uma frota, atuando na prevenção de defeitos que podem até gerar acidentes. “Foi minha primeira vez no HackInnovation. Tinha vindo com objetivo de conhecer, mas o objetivo foi alcançado e superado com o terceiro lugar ”, ressaltou.

Wanderson Marques apresenta o projeto da Eficiência para a banca avaliador, conquistando o terceiro lugar

Saldo positivo 

“A palavra que minha percepção enquanto curador do evento encontra é: felicidade. O Desafio Indústria 2018 foi desafiador, pois foi o primeiro HackInnovation do país voltado especificamente para a indústria. Esperamos aprender com este piloto e fornecer este conhecimento para todo o país. O sentimento é de dever cumprido, com a expectativa atingida”, ressaltou o curador do evento e consultor para Aceleração de Negócios, Transformação Digital e Inovação, Paulo César Coutinho, ao avaliar que o saldo foi positivo.

O evento foi idealizado pela Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Instituto Euvaldo Lodi (IEL Goiás) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás (Sebrae), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e com o Conselho Temático de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (CDTI). (Com Assessoria de Comunicação do IEL Goiás e fotos de Alex Malheiros)

AS IDEIAS PREMIADAS

LEITE PURO
O que é: Fornecer para o produtor de leite e para a indústria informações sobre a qualidade do produto antes que ele seja entregue à indústria.
Objetivo: Evitar perda de produto e permitir que o produtor tenha controle das informações para obter maior poder de negociação, conseguindo acompanhar a evolução da qualidade de seu produto.

APP DA BREJA
O que é: Aplicativo para os consumidores pesquisarem e compartilharem preços de cerveja, extraídos pela leitura do QRcode do cupom fiscal. Os dados são repassados às cervejarias que monitoram os preços de seus produtos e de seus concorrentes no ponto de venda.
Objetivo: Promover mudanças mais ágeis de estratégias e garantir bom volume de vendas.

EFICIÊNCIA
O que é: Monitoramento, em tempo real, dos veículos de uma frota. Os dados são transmitidos para um servidor para fazer análises preditivas para prever quando um veículo precisaria de manutenção.
Objetivo: Reduz o tempo de manutenção e o custo, pois a manutenção corretiva fica mais cara.


Deixe seu comentário